Escudo de Defesa

From eRepublik Official Wiki
Jump to: navigation, search
Languages: 
EnglishIcon-English.png
HrvatskiIcon-Croatia.png
Portugues BrasileiroIcon-Brazil.png
СрпскиIcon-Serbia.png
TürkçeIcon-Turkey.png

Escudo de Defesa é uma barreira que o atacante deve quebrar com o objetivo de ter uma chance de vencer a batalha. A barreira absorve uma certa quantidade de dano baseado em sua qualidade. Os Escudos de defesa foram introduzidos no dia 2,093, após o Torneio Nacional de Defesa.

Esses escudos foram dados como recompensa pelo Torneio Nacional de Defesa, pelo Torneio Épico de Guerra, e pelo Segundo Torneio Nacional de Defesa.

Qualidades do Escudo

Você pode checar quanto dano protetor resta na página de informações militares do país. Neste caso, a Malásia possui 10,000,000,000 de dano restante.

Escudos de defesa foram concedidos aos países que participaram do Torneio Nacional de Defesa, baseando-se em suas posições classificatórias:

  • Posições 1-10: Qualidade 7 de Escudo de Defesa (10 bilhões de dano)
  • Posições 11-20: Qualidade 6 de Escudo de Defesa (8 bilhões de dano)
  • Posições 21-30: Qualidade 5 de Escudo de Defesa (6 bilhões de dano)
  • Posições 31-40: Qualidade 4 de Escudo de Defesa (4 bilhões de dano)
  • Posições 41-50: Qualidade 3 de Escudo de Defesa (3 bilhões de dano)
  • Posições 51-60: Qualidade 2 de Escudo de Defesa (2 bilhões de dano)
  • Posições 61-70: Qualidade 1 de Escudo de Defesa (1 bilhões de dano)


Como isso funciona?

  • O escudo está automaticamente ativo quando uma região é atacada, seja em uma Campanha ou em uma Guerra de Resistência. A região receberá bônus de defesa que consistem em pontos de dano.
  • A quantidade de pontos de dano concedidos (bônus de escudo) é calculado através da divisão entre a capacidade disponível do Escudo de Defesa e o número de regiões do país no momento do ataque.
  • O bônus de escudo resultante é sempre dividido igualmente entre as cinco primeiras batalhas.
  • Então, o bônus de escudo para cada batalha é finalmente repartido entre as divisões, da seguinte maneira:
Divisão 1: 5%
Divisão 2: 10%
Divisão 3: 15%
Divisão 4: 70%
  • O mesmo dano resultante será adicionado a barra de influência de cada uma das cinco batalhas (das rodadas de batalha e não de toda a campanha).

Exemplo:

Um país A tem um Escudo de Defesa Q7 (Qualidade 7) e 10 regiões. Esse país vem a ser atacado diversas vezes, e dos 10 bilhões de danos originais, apenas 5 bilhões permanecem no Escudo de Defesa. Dessa forma, uma região atacada receberá 5 bilhões / 10 = 0.5 bilhões de dano da capacidade do escudo. Cada uma das 5 primeiras batalhas irão receber 0.5 bilhões / 5 = 100 milhões de danos defendidos. A Divisão 4 ganhará 70% x 100 milhões = 70 milhões de dano. Desta maneira, nas cinco primeiras batalhas, a Divisão 4 começará com 70 milhões de dano em favor do país A. A Divisão 3 começará com 15 milhões de dano, a Divisão 2 com 10 milhões, e a Divisão 1 com 5 milhões.

Nesta batalha, a Estônia possui 38,400,000 de bônus do escudo, o que significa que a Finlândia precisa distribuir muito mais dano apenas para igualar a situação.
  • Se o dano oferecido pelo atacante, durante uma batalha, for menor do que o Bônus do Escudo, a capacidade remanescente será resguardado em um determinado fundo.
  • Durante a sexta batalha, o dano vindo do determinado fundo será utilizado. O dano será divido novamente entre as divisões, baseado-se nas percentagens iniciais: D1 - 5%, D2 - 10%, D3 - 15% e D4 - 70%.
  • Esse processo continuará até que toda a capacidade do escudo tenha sido utilizada.
  • Se, por uma circunstância inusitada, sobrar algum bônus do escudo após o fim de uma campanha, o dano restante será resguardado e utilizado para conter futuros ataques.
  • O Escudo Nacional não está anexado a qualquer região, ele está anexado ao país. Isso significa que uma região pode receber o bônus do escudo diversas vezes, enquanto a capacidade do Escudo Nacional não estiver vazio.

Representação Visual

  • O Escudo de Defesa será exibido na aba militar de cada país, logo abaixo da seção “Inimigo Natural”.
  • Em batalhas onde Escudo de Defesa está ativo, um ícone mostrará a quantidade de dano protegido.

Outras Informações

  • Os Escudos de Defesa serão concedidos a cada país, no prazo de um dia, após o fim do torneio.
  • Se o país estiver completamente conquistado, ele ainda assim receberá o Escudo de Defesa. O escudo será usado logo que o país libertar uma região e esta for atacada.
  • Se um país já possui um Escudo de Defesa ativo e recebe outro, a capacidade do novo escudo será cumulada com a capacidade do antigo.

Exemplo: Um país A ainda possui 4 bilhões de dano em seu Escudo de Defesa e ganha um novo Escudo de Defesa de Qualidade 5. Os novos 6 bilhões de dano serão adicionados aos 4 bilhões existentes, fazendo um total de 10 bilhões de dano. Dessa forma, o Escudo de Defesa atual ganhará uma Qualidade 7. Nota: Em vários casos, a capacidade cumulada do escudo pode exceder 10 bilhões de dano. Mesmo assim, o resultado ainda será um Escudo de Defesa de Qualidade 7, mas com capacidade superior a 10 bilhões de dano (nenhum dano será perdido).

Veja também


Guerras

Tutorial MilitarDeclarar GuerraGuerraCampo de BatalhaBatalha AéreaGuerra de ResistênciaDeterminaçãoImpérioEscudo de DefesaGuerrasLista dos Conflitos Bélicos